Poema: ESTAR GRÁVIDA.

gestaçãoEu achei tão lindo esse poema e queria muito poder dividir com vocês (Não sei de quem ele é. Gostaria muito de colocar os créditos do autor, afinal ele está de parabéns. Mas, ao menos colocarei os créditos de onde eu o li.)

Sempre achei a gestação um momento único e especial na vida de uma mulher. Cada uma sentindo e vivenciando do seu jeito. Aquela sensação de estar carregando uma vida dentro de você. Espero poder estar ajudando a cooperar de alguma forma.

Segue o POEMA:

ESTAR GRÁVIDA

(Eu li no: https://www.facebook.com/MaeCorujaSimOficial)

Estar grávida…
É ler 50 vezes o resultado positivo do exame para ter certeza que está correto.
É ficar chocada ao saber que uma gestação dura 40 semanas e não nove
meses como todo mundo diz por aí. Que demora… são dez meses!!!
É se sentir muito estranha…
…E quem não sente nada de estranho, estranho é.
Muito hormônio, muita mudança, insegurança…
É sentir tudo o que se pode imaginar…
Sentir fome, muita fome! E ainda ter que se preocupar com o ganho de peso…
Ter sono, muito sono!!!
Acordar várias vezes de madrugada para fazer xixi.
Sem falar nos enjôos e na azia…
Não é a toa que a grávida tem preferência!
É muito calor, depois frio, e mais calafrio.
E câimbra, dor na bacia…
O cabelo que não pode pintar.
O creme que não pode usar.
O remédio pra espinha… nem pensar!
É ter também os medos: de ficar gorda pra sempre, de ter estria, celulite, do peito cair, do peito doer,de não dar conta…
E o frio na barriga de pensar: Será que vai nascer perfeitinho?
Orar, e muuuuuuito, para que ele nasça perfeitinho.
Se pegar imaginando, por horas a fio, como será os olhos, os cabelos e a pele do filho que vai chegar.
É esperar ansiosamente pelo dia do ultrassom, e assim que sair de lá, esperar ansiosamente pelo próximo!
Aprender a enxergar o filho nas manchas de uma ultra-sonografia.
Ter uma vontade louca de comprar um aparelho pra fazer ultra em casa!!!
Cada ultra, uma novidade.
Cada detalhe, uma alegria… imensa, infinita!
Ler muito sobre gravidez, pular o capítulo do parto (pois ainda é muito
cedo pra se preocupar) e ir direto para os cuidados com o bebê.
Ler na internet o desenvolvimento do neném a cada nova semana.
Ir ao shopping e desejar apenas coisinhas para o filho.
Ficar muito esquisita e descobrir uma incrível capacidade de sentir
todas as emoções em uma hora, da alegria descontrolada ao mau humor sem
fim.
Ter a fase do mau-humor e da felicidade que não tem tamanho.
É acreditar num mundo melhor.
Gravidez tem de tudo um pouco, e cada pouco é um mundo!
Gravidez é coisa esquisita:
É estranho demais!
É bom demais!!
É demais!!!

6 comentários em “Poema: ESTAR GRÁVIDA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s