Homens também sofrem de depressão Pós Parto.

10572801_703427166398852_600842163_nVocê sabia que além das mulheres, os homens também estão propícios a sofrerem de depressão pós parto? A depressão pós-parto masculina tende a ser um pouco diferente daquela presente nas mulheres no que toca aos sintomas.

Os sintomas da depressão paterna incluem sentimento de tristeza, perda de interesse, problemas de sono e falta de apetite. Casos mais sérios podem envolver também irritabilidade e o afastamento da família. Os homens tendem a exteriorizar o stress que sentem relativamente às exigências desta fase.

Geralmente o homem não tem tanta facilidade em demonstrar seus sentimentos. Pode ser difícil perceber se um homem está mais fragilizado, o que pode dificultar o diagnóstico e o tratamento de uma possível depressão “pós-parto”.

Embora pouco falada e admitida no meio masculino, a depressão pós-parto (DPP) tem deixado alguns homens atordoados. Estudo conduzido pela Escola de Medicina da Universidade da Virgínia (EUA) e publicado pelo The Journal of American Medical Association revela que a doença afeta pelo menos 14% dos pais norte-americanos. Segundo esse mesmo estudo, problema é mais comum entre o terceiro e sexto mês depois da chegada do bebê, período em que os sintomas são sentidos por 25% dos homens.

Já aqui no Brasil, a própria depressão pós-parto em homens é pouco conhecida pelos médicos. Não existem pesquisas sobre o tema, embora um ou outro psiquiatras e psicólogos já tenha ouvido conhecer o fenômeno.

Esse transtorno emocional que alguns homens experimentam após o nascimento de um filho ainda recebe pouca atenção, apesar de sua identificação nos últimos anos.

Durante a gravidez, o pai enfrenta uma série de mudanças que irão influenciar na relação conjugal e também na relação com filho.Lembram que o problema está ligado a um estado de ansiedade pela dificuldade de cuidar do recém-nascido; ao ciúme pela relativa exclusão do homem da dupla mãe-filho; à diminuição temporária do interesse sexual da parceira e ao medo de falhar como provedor da família.

Caso você venha percebendo alguma mudança de comportamento no seu marido, o melhor que tem a fazer é procurar alguma orientação profissional. Qualquer tipo de depressão não pode ser passada despercebida. Um psicologo ou psiquiatra são as melhores opções de como orientar nessa fase.

FOTOGRAFIA:

unnamed

Pra Sonhar – Fotografia

Contato: 8818.1221 / 9874.5877

E-mail: prasonharfotografia@yahoo.com.br

FONTE:

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticia/2010/12/depressao-paterna-mudancas-fisicas-e-emocionais-apos-o-nascimento-do-bebe-sao-comuns-3132746.html

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/saudeciencia/68857-a-depressao-pos-parto-paterna.shtml

http://construindofamilias.blogspot.com.br/2013/07/depressao-pos-parto-masculina.html

http://psicologado.com/psicopatologia/transtornos-psiquicos/o-que-sabemos-sobre-a-depressao-pos-parto-paterna#ixzz38o6bTZdK

http://redemae.sapo.pt/os-pais-tambem-sofrem-de-depressao-pos-parto/6245

Um comentário em “Homens também sofrem de depressão Pós Parto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s